Terça, 26 Maio 2020 00:14

01 a 07 de Junho de 2020

Written by
Rate this item
(0 votes)

  

 

 

  

01/06 Fernando “Fefeca” José Bernardes
01/06 Paulo Adolfo Teixeira
02/06 Ethel Chaves
02/06 Amanda Chaves de Souza
03/06 Raner Guilherme Almeida Benedito
03/06 João Bananinha
03/06 Gilzani Bicalho
04/06 Joaquim Silva Neto
04/06 Maurilane Ribeiro dos Reis
05/06 Geraldo Magela de Oliveira
06/06 Rosângela Germano
07/06 Carlos Roberto Maia
07/06 Priscila Merklein Vasconcelos
07/06 Renato Pinto
07/06 Nicolas Michel

 

 

  

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Charge

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Tirinhas

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 
 

 
 
 
 
Aníbal, em lugar de tio, é um excelente contador de causos. Daquela cabeça que tem como destaque a boca escancarada-cheia-de-dentes, saem pérolas do tempo antigo de Conselheiro Pena que envolviam militares, casas de tolerância, zona boêmia, pitengos e puteiros. Sempre gostou deste “antro” de prostituição.
 
 
Capitão Georgino, homem sério, sem jaça, valente, não dava refresco pra bandido. Autoridade, morenão forte que naquele tempo à boca miúda era “Negão “.
 
 
Numa noite, o nosso capitão, foi proceder diligência lá pelas bandas da Rua da Areia, hoje geograficamente o UBER o levaria às proximidades do Estádio Municipal, onde se localizava as casas de tolerância. Luz vermelha à entrada era a certeza da localização. A autoridade em questão, se entusiasma, toma uma, duas e na hora de ir embora, entra na charrete e se lembra do quepe e do cigarro, pedindo ao charreteiro para buscar, ficando no lugar do Charreteiro. Eis que surge um daqueles Bebões, olha pra ele e dispara:
 
- Negão, quanto cobra pra me levar até o centro?
 
 
Final da estória: 2 dias de pau de arara pro bebão!
  
 
 
Fecha a Cortina!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Caricatura

 

 
Fabíola Personal
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Programa Canta Conselheiro Pena

 

                   

 
Que alívio de tensão é realizar este programa aos sábados. Bom para os ouvintes, bom para o Lions Clube, bom para a emissora, bom para os patrocinadores e muito bom para os cantores amadores.
 
 
O nosso Ronaldo, espetacular Sonoplasta, torna a transmissão bem mais fácil. Vocês estão lembrando que o programa é gerado de nossa sala de estar?
 
 
Assim, se despertou o tesão para ouvi-lo, escolha um horário da folga e clique abaixo.
 

   

CLIQUE AQUI 

 

   

 

 

Clébio e Delfina, com muito frio , transmitindo o programa

Canta Conselheiro Pena.

 

 

Agradecemos aos nossos patrocinadores.

 

Patrocinadores:

 

Cartão Lajão

Água Mineral Krenak

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 
 
 
- Talento arraigado está no DNA da Júlia Camilo Chaves, pipocando nas redes sociais (juliad.chaves) no Instagram. Se visitar uma vez torna-se fã. É entusiasta e bonita.
 
 
- Em tempo de quarentena nada de travessuras. Cazares, o 10 do Galo, resolveu jogar pelada escondidinho. Levou sacada da diretoria e agora na reapresentação, dizem os jornais, deu positivo para COVID -19. Castigo?
 
 
- Está com as verdinhas sobrando? Faça contato com as conterrâneas Janinha e Eusa para adquirir imóveis. Com a COVID-19 os preços estão favoráveis. Um dos maiores investidores americanos, hoje fortunado, afirma:”Quando as pessoas querem vender eu compro, quando querem comprar, eu vendo”. Eis o segredo.
 
 
- Inexplicável, deu na TV. Numa prisão na Paraíba detentos trancafiados que não saem pra nada, foram contaminados com Corona. Estou começando a achar que isolamento não é lá grande coisa.
 
 
- Os desempregados e aposentados que jogavam baralho no Ponto de Táxi nº 01, deram com os burros n’água. A Prefeitura, via Secretaria da Saúde isolou a área com cercas. Alguns jogadores estão sem rumo. Ainda na praça, os “nóias do interior” também vazaram. Tudo cercado.
 
 
- Pensando bem, de que adianta pesquisa do desemprego em relação a outras eras? Quase todo mundo desempregado. Culpa do Corona.
 
 
- O mês de Maio se foi. Há anos não o sentia tão frio. Lembro do tempo de criança com coroações, leilões e muito agasalho. Quase não aproveitei! Só casa, só casa, só casa.
 
 
- Receita da vovó - infalível. Sem sair de casa, você come mais e dorme de dia. A noite é aquela luta. Quase não dorme. Solução? - Chá de erva doce bem quentinho ao deitar. É batata! Nunca da errado!
 
 
- Saudades da Danusia do Zé Carlos da Música. Nem na igreja, padaria. Em lugar algum. Será USA?
 
 
- O nosso presidente Bolsonaro é 22 purinho. Bem intencionado mas forças ocultas o boicotam. Todavia de uma coisa tenho admiração: - seus ternos do dia-a-dia são bem cortados, alinhados e cores sóbrias. Observem! 

 

 

 


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Foto da Semana

 

Chloé - Renato/ Cynthia. USA.

 

 

 


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ByBuguinho

 

 

Os meus parabéns para o Flavinho no dia do seu aniversário.

 

O arteiro Hudson, neto de Valtinho USA.

 

Eduardo e Rafael. Silvana da AC indaga: Qual é o mais bonito? 

 

Ariani Carmo, esbanjando beleza.

 

Andrezinho de Nininha recordando o dia do casamento.

Não me esqueço da baita festa.

 

Família do grande Cláudio, proprietário do Sítio Modelo

em Domingos Martins.

 

Lu, a amiguinha do microfone.

 

João Victor com a viola que canta. 

 

Lulu Rodrigues, inaugurando o verão americano.

Nome do sorriso? Fantástico.

Boa noite padre Schineider.

O lindo perfil da Renata Menezes.

Eloíza Hausmann Campos.

Drª Renata Pena. A quarentena lhe fazendo muito bem.

Fabrício, indo a Padaria tomar um cafezinho.

O nosso Bolsonaro dando um repasso pelo centro de Brasília.

Mão Santa, soltando a voz.

 

    

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Totoca
 
 
 
Antes bad boy, jogador profissional de futebol, artilheiro nato, pai de família, fala 3 idiomas.
 
 
Hoje com a família criada - avô e bisavô, imita Robin Hood, ajuda os menos favorecidos pela sorte. As redes sociais deram destaque e “A Semana” foi no vácuo.
 
 
Confira:

 

 
 

Fé e amor ao próximo: a história do

advogado que distribui marmitas nas

ruas de Teixeira

 
 
 

Em meio à pandemia do novo coronavírus, ações voluntárias se multiplicam pelas ruas de Teixeira de Freitas. Partindo de instituições públicas, privadas ou, simplesmente, de pessoas movidas pelos sentimentos de empatia e amor ao próximo.

O jornal OSollo conta hoje a história do advogado Wildson Dias Totoca de Oliveira, ou, simplesmente, o Totoca, apelido inserido em seu nome após decisão judicial.

Residindo em Teixeira de Freitas há 41 anos, Totoca e sua esposa, Jociane, desenvolvem um trabalho social distribuindo cerca de 50 marmitas semanalmente para pessoas em situação de rua ou de maior vulnerabilidade socioeconômica.

 

Ele conta que, em meados de 2018, recebeu de Deus uma forma de evangelizar. Duas horas ao dia são destinadas ao estudo, então extrai mensagens e envia para as pessoas.

Infelizmente, veio a pandemia pela covid-19. Com ela, o mundo iniciou um terrível desgaste de toda ordem, inclusive, o financeiro, acarretando um acentuado número de pessoas muito necessitadas. Milhares de pessoas não tiveram acesso à ajuda governamental, em nossa cidade principalmente, guardadas as devidas proporções habitacionais“, conta o advogado.

Como temos o hábito de clamar diariamente, fui exortado por Deus a ajudar as pessoas que passam por angústia e necessidade de alimentação. Foi o que fizemos“, acrescentou.

 

Totoca menciona que, reconhecendo em si uma boa intimidade com a cozinha, extraiu uma forma de ajudar o próximo cozinhando e elaborando marmitas para este perfil de quem ele considera sabiamente de “irmãos”.

Na verdade, a ação já é realizada desde a década de 2010, embora anteriormente uma vez por mês. “Algumas sopas, pães, refeições sólidas, sem compromisso, apenas um desejo que já residia em mim“.

Tudo em gratidão ao Senhor pelos recursos que nos foram ofertados, desde que aqui cheguei, final da década de 70, tempo em que conheci várias pessoas influentes na cidade, dentre tantas, o saudoso pastor Amazias, grande servo do Senhor, pregador do Evangelho e outras atividades neste local. De igual modo, ao hoje pastor Jadilson, outrora proprietário das Farmácias Moraes“, relatou.

Totoca diz ainda que os recursos financeiros são poucos, mas, com a ajuda de outros, o casal se sente feliz pela oportunidade de suprir a necessidade primária de alimentação dos irmãos que perambulam pelas ruas.

 

Assim, em cada marmita, escrevemos do próprio punho em fita adesiva, como sendo: Jesus te ama e ora que tudo melhora” – Também acompanha um pão francês.

O solidário advogado lembra que seus filhos residem nos Estados Unidos e, lá, eles se reúnem e fazem o mesmo trabalho.

Ele finaliza dizendo que tudo que realiza é “apenas uma minúscula parcela de contribuição, sobretudo, porque o Senhor já nos tem ajudado grandemente e inesgotáveis são as bênçãos do Senhor em nossas vidas. Gratidão ao Senhor“.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Progresso

 

 

 

Próximo ou em frente à Caixa Econômica Federal, uma construção se agiganta. Nossa reportagem apurou. Será o novo ponto de comércio da Eletromário Acabamentos.
 
 
Muito bem arquitetado. Inauguração em 3 meses.
 
 
Aguardem!
 
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Live - Live - Live.

 

 
Quase tudo preparado para o dia 13 próximo, às 14:00, a realização da Live do Lions Clube.
 
 
Parceiros confirmados: Carlos de Freitas, Roselmo Pessote, Valtinho Café Brazil, Renato Pinto, Fernando Bernardes, Craig Sullivan, Lenny Konrado, Frei Lucas e Guilherme Nacari.
 
 
Campanhas do Agasalho e Visão.
 
 
Cantores convidados: Nery Silva, Bregão do Brasil e Shariel/With.
 
 
Dia dos Namorados !
 
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Yasser (Nena e Simone)

 

Quando o jovem percebe que seu esforço é reconhecido tende a ser mais persistente adquirindo uma melhor auto estima e capacidade de enfrentamento de dificuldades e adversidades.

 
Yasser é um menino responsável. O sucesso vem de 3 pilares: família, igreja, esportes.
 
 
Amado pelos pais, parceiro e grande amigo do avô Vantuil a quem acho que Yasser é bem parecido.
 
 
Pontual nas obrigações religiosas como acólito (coroinha), o seu paramento sempre impecável, leva muito a sério e com respeito. Embora com pouca constituição física, na quadra é raçudo, batalhador e já coleciona medalhas de mérito.
 
 
Meu vizinho, participou de sua janela do momento de oração do Pai Nosso no mês de Março no começo da Pandemia.
 
 
Em tempos de pandemia, estuda de 8:00 as 12:00 no computador com aulas on line. À tarde uns filmes na Net flix e joga Free fire com os colegas. Quer vê-lo em ação? Visite o face ou Instagram da Paróquia São José.
 
 
Assim, não sou mãe Diná, mas não é difícil prever o futuro do vizinho Yasser. Será um good Doctor?

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Por algum tempo o encontro anual entre os Conselheiro Penenses, foi algo acima de especial: Quantos abraços, beijos, curiosidades, lindos trajes, discursos, novidades, buffer diferenciado, mulheres bonitas. Isto acontecia na Terra do Tio Sam.
 
 
Com as inovações do Orkut, Facebook, Skype, FaceTime, Instagram e WhatsApp, inevitavelmente aconteceu o desinteresse. Agora no só saudades do tempo que não volta mais. Os organizadores Damásio Moura, Jackson Sena, Aninha e Cynthia di Russo, guardam boas lembranças e merecidos troféus e nos currículos o ítem - “Fizemos algo de bom para o povo da terrinha - Conselheiro Pena.
 
 
Comigo um acervo fotográfico daqueles encontros maravilhosos. Aproveitando este tempo de pandemia, veicularei algumas fotos daquela época que guardei com carinho para usar numa oportunidade assim.
 
 

  

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Os Melhores Vídeos da Semana

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  

Read 363 times Last modified on Terça, 09 Junho 2020 02:53

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.